Expediente Anunciar Contatos Domingo, 19 de Novembro de 2017

fael clique

Deputado Adriano intermedeia reunião entre governo e equipe médica do Hospital Regional em Cáceres
Data:27/10/2017 - Hora:13h37
Deputado Adriano intermedeia reunião entre governo e equipe médica do Hospital Regional em Cáceres
assessoria

Em reunião intercedida pelo deputado Adriano Silva, médicos relataram a situação em que se encontra a instituição após as rescisões contratuais em massa

O governador Pedro Taques (PSDB) mostrou-se muito atento às reinvindicações realizadas pela equipe médica do Hospital Regional de Cáceres Dr. Antônio Fontes. Em reunião, realizada ontem de noite, por intermédio do deputado estadual professor Adriano Silva (PSB), o governador comprometeu-se a estudar a viabilidade de retorno desses profissionais de saúde. “Ele nos recebeu com muita sensibilidade a respeito deste assunto”, afirmou o deputado.

O parlamentar Adriano Silva encontra-se muito preocupado com a situação da equipe médica do Hospital Regional de Cáceres Dr. Antônio Fontes, que foi demitida anteontem (24/10). “Muitos destes doutores dão aula na Faculdade de Medicina da Unemat e não possuem família aqui. Estávamos receando uma evasão desta mão de obra capacitada, o que poderia comprometer muito a qualidade do nosso ensino e educação”, enfatiza. Quando era reitor da Unemat, o professor Adriano criou o curso de Medicina e sempre deixou claro que educação e saúde são as principais chancelas do seu mandato.

Os médicos que tiveram seus contratos rescindidos têm recorrido ao deputado para que ele interceda sobre a situação. Na terça-feira pela manhã, o parlamentar reuniu-se com o secretário estadual de saúde (SES), Luiz Soares, para tentar resolver este imbróglio. “Cáceres transformou-se em centro de referência no oeste do estado pelo seu hospital, pelos médicos que lá atendem, que também instalaram suas próprias clínicas e laboratórios, para atender cada vez melhor a população.” O hospital acolhe os habitantes provenientes de 22 municípios brasileiros do entorno, que totalizam 450 mil habitantes.

Uma vez que a Associação Congregação de Santa Catarina, que assumiu a gestão do hospital como uma Organização Social de Saúde (OSS) em 2011, findou seu contrato em 30 de setembro, o governo do Estado assumiu. E, por meio da SES, iniciou a rescisão contratual de várias equipes, entre elas a da pediatria, urologia e oncologia, baseando-se no Decreto 1.0173/2017 que prevê o seguinte: os contratos realizados pela gestão anterior devem ser rescindidos o que, de fato, está sendo feito. “Porém, é possível abrir negociações e recontratar o efetivo, uma vez que muitos médicos daqui estão há anos atendendo nossa população”, enfatizou o deputado, na ocasião.

Na opinião do parlamentar, o governo do Estado tentará encontrar a melhor forma de reabsorver esta equipe. “Afinal, precisamos estar de olho em quem mais sofre com toda esta situação, que é a população”, finaliza o deputado.


fonte: Márcia Vaisman

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
Juba Supermercados
panvet
São matheus
jane
prisma 2
areeira monte verde
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites