Expediente Anunciar Contatos Terça-feira, 14 de Agosto de 2018

cometa dia dos pais 2018

Pastorello divulga nota sobre sua saída do PSDB
Data:05/04/2018 - Hora:07h53
Pastorello divulga nota sobre sua saída do PSDB
arquivo

Considerando o meu recente desligamento do PSDB, partido da Social Democracia que sempre defendi, venho esclarecer e tornar público o ocorrido, em respeito aos meus eleitores, ao meu povo e ao partido para o qual eu sempre me dediquei. Sempre fiz campanha gratuita e engajada pelo PSDB, muitas vezes para candidatos que eu nem conhecia, mas, por confiança na sigla partidária.

Quando fui convidado, pelo meu partido, para me candidatar, também fui um dos mais entusiastas em lançarmos uma chapa pura para prefeito e vice-prefeita, em ter nomes fortes como candidatos a vereadores, sem me preocupar com a minha eleição, e sim, com o desempenho do partido. E foi desse modo que o PSDB em Cáceres teve a eleição do prefeito e vice-prefeita e dos 3 vereadores mais votados.

Porém, desde o ano passado já se noticiava em veículos de imprensa local a possibilidade da minha expulsão do partido, por divergência, principalmente, com atual governo estadual.

O fato do governador ter vindo para o meu partido não mudou a pessoa que sou, o político que sou e nem os meus princípios. Logo, se eu deixasse de ser questionador, de cobrar que as coisas fossem feitas da forma certa, com probidade, transparência e honestidade, eu não estaria sendo fiel ao que me trouxe até aqui.

O atual governador não poupa críticas ao governo anterior, dizendo que naquele governo se roubava muito e havia corrupção. Mas, aquele governo pagava os salários em dia, honrava compromissos com fornecedores, com os hospitais filantrópicos, com os hospitais administrados por OSS, fazia os repasses aos municípios e ainda concedia o RGA dos servidores sem dificuldade. Não estou fazendo apologia aos governos anteriores, porém, não posso ver o atual caos instalado na saúde estadual e não me perguntar, por que, agora que não se desvia, não se rouba, nada disso acontece? Hoje se arrecada 8 bilhões a mais por ano, e o governo não consegue manter o mínimo de insumos, como material para exames e radiografias no Hospital Regional de Cáceres e ainda fechar o Hospital O Bom Samaritano? E os Hospitais de Pontes e Lacerda, Rondonópolis, Sinop, Cuiabá?

Dos questionamentos, já repreendidos por muitos governistas, parti para as constatações, como a propaganda política mascarada de Caravana da Transformação que veio para tratar de pessoas acometidas dos problemas causados pelo descaso do próprio governo.  E eu não me calei para isso!

Essa saída não macula a minha imagem. A prova disso são os diversos convites que já recebi para me agremiar nos mais diversos partidos, dos mais conservadores aos mais democráticos, sendo que todos estão sendo considerados.

E saio, ainda mais, fortalecido, para continuar fazendo a diferença no campo político, incomodando a situação estabelecida e inovando ao fazer o que é o princípio mais antigo da democracia: representar a vontade das pessoas. Para isso, conto com a proteção de Deus e com a vontade do povo que acredita ser possível.


fonte: assessoria

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
Juba Supermercados
dunga
prisma 2
jane
São matheus
areeira monte verde
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites