Expediente Anunciar Contatos Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

plano diretor

Cáceres aprova moção de repúdio contra deputado Ademir Brunetto
Data:04/09/2018 - Hora:09h43
Cáceres aprova moção de repúdio contra deputado Ademir Brunetto
assessoria

Nesta sessão de segunda-feira, 03/09, a Câmara Municipal de Cáceres-MT aprovou uma moção de repúdio endereçada ao deputado estadual Ademir Brunetto. A propositura foi do vereador Cézare Pastorello (SD). Brunetto foi o autor da PEC 03/2018, que retira a autonomia financeira da Unemat e restaura a ingerência política sobre a instituição.

Diante de alguns vereadores que estavam inseguros quanto à moção, dizendo que não sabiam o porque de Brunetto ter apresentado a PEC, o vereador fez o esclarecimento: “Eu gostaria de ler 20 ou 30 laudas de justificativa desse deputado, para discutirmos aqui. Mas, ele se limitou a revogar o artigo 246 e dizer, na sua justificativa de uma linha, que o projeto tem o objetivo de revogar o artigo 246. Ou seja, não tem justificativa nenhuma. Nem sequer defendeu em tribuna o projeto, colheu as assinaturas induzindo deputados a erro, alegando que era um requerimento para abertura de curso de medicina veterinária. A verdadeira justificativa veio das palavras dele em redes sociais. Apresentou a PEC para chantagear a Unemat. Só isso.”

Pastorello classificou a ação do deputado como um exemplo da execrável política de barganhas no poder, e disse que o comportamento dele é totalmente reprovável.

“A Unemat é um dos maiores patrimônios do povo matogrossense, e esse projeto resultaria não apenas na perca da autonomia, mas, tiraria todo o poder dos institutos como Congresso Universitário, que definem o futuro da Universidade. A Unemat passaria a ter que andar com um pires na mão a cada lei orçamentária, tendo que se render à cancerígena abertura de cursos para cada deputado fazer política em suas bases territoriais. Isso é inadmissível,” reforça Pastorello.

Questionado se a moção de repúdio seria uma ação meramente política, por ser candidato a deputado estadual, Pastorello rebateu. “Eu não abri mão da minha função de vereador para ser candidato a deputado estadual, continuo defendendo os interesses do povo de Cáceres. Brunetto não é candidato a deputado. Ele chantageia a Unemat para fazer discurso na sua base, possivelmente porque pretende ser prefeito. Fui aluno da Unemat, tenho esposa e filhos estudando lá. Sei da importância que é a solidez da instituição para Cáceres e para o Estado de Mato Grosso.”

Após a defesa, a moção de repúdio foi aprovada por unanimidade.


fonte: assessoria

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
dunga
Juba Supermercados
São matheus
prisma 2
jane
areeira monte verde
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites