Expediente Anunciar Contatos Sábado, 21 de Setembro de 2019

unimed serviços credenciados

Governador vai se encontrar com professores na sexta-feira,31
Data:29/05/2019 - Hora:11h43
Governador vai se encontrar com professores na sexta-feira,31

Em greve desde a última segunda-feira (27), os profissionais da educação passaram a ter o ponto cortado a partir de ontem (28). O anunciou foi feito pelo Governo do Estado, utilizando como base a determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), no que diz respeito ao corte de ponto de grevistas. 



O governador Mauro Mendes (DEM) afirma que reconhece os direitos dos servidores que lutam por reajuste salarial, mas frisa que o Executivo não tem condições de atender as reivindicações devido ao fluxo de caixa. 



Para tratar sobre o assunto, o democrata convocou uma reunião emergencial com os deputados estaduais na manhã desta terça-feira (28) no Palácio Paiaguás. Na oportunidade, o chefe do Executivo Estadual apresentou todos os balancetes do Estado e disse já ter extrapolado o limite impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) no que s refere a gastos com pessoal. 



Entre os pontos pleiteados pelo Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT), está o chamamento de concursado para as vagas livre, cumprimento da Lei nº 510/2013 e pagamento dos restos a pagar da RGA de 2018 para assegurar Lei da Dobra do Poder de Compras dos profissionais da Educação. 



A lei da dobra foi aprovada em 2013, na gestão do ex-governador Silval Barbosa, e dá direito a 7,69% a mais anualmente na remuneração durante 10 anos. 



Mendes afirma que, se atender a esta reivindicação em especifico, o Executivo ultrapassaria ainda mais os limites impostos pela LRF com folha de pagamento. 



De acordo com ele, Mato Grosso concede 58,55% da Receita Corrente Líquida (RCL) com pagamento de servidores ativos e inativos. A Lei de Responsabilidade Fiscal determina que e índice não deve ultrapassar 49%. 



Dos 24 parlamentares, apenas seis não participaram da reunião, pois estavam em viagem. Diante do apresentado pelo governador, os deputados defendera um diálogo mais aberto com a categoria, e uma reunião com os profissionais ficou agendada para esta sexta-feira (31). 



A presidente interina da Assembleia Legislativa, deputada Janaina Riva (MDB), disse que o Parlamento deverá intermediar um diálogo entre os sindicalistas e o Executivo. 



“O governador deixou claro que está disposto a dialogar, mas que a prioridade é pagar a RGA para todas as categorias assim que houver equilíbrio em nossa lei de responsabilidade fiscal”, disse.


fonte: kamila

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
Prisma
Juba Supermercados
Contec Contábil
jane
areeira monte verde
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites