Expediente Anunciar Contatos Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020

coc topo

Debates entre vereadores na Câmara podem comprometer aliança entre Eliene/Valdeníria
Data:18/11/2019 - Hora:17h24
Debates entre vereadores na Câmara podem comprometer aliança entre Eliene/Valdeníria
arquivo

Cogitada para pré-candidata a vice-prefeita na chapa de Eliene Liberato Dias (PSB), a vereadora Valdeníria Dutra Ferreira (PSDB) pode recuar do projeto proposto pela cúpula do PSB. Valdeníria não disfarça o descontentamento com o presidente do diretório municipal, vereador Jerônimo Gonçalves, que tem feito com ela enfrentamentos calorosos sobre o suposto esquema de desvio de recursos na Câmara, através do pagamento de Adicional Noturno a assessores.
 
“Como eu vou para um grupo de pessoas que estão me batendo antes mesmo de eu estar lá? Tenho respeito e consideração muito grande pela vice-prefeita Eliene, mas não posso aceitar uma situação, onde o presidente do partido dela me bate, sem nenhuma consideração” afirmou ao Jornal Expressão lembrando que esperaria que houvesse uma manifestação da cúpula do partido no sentido de conter a animosidade, entre eles, mas isso até na sexta-feira não havia acontecido.
 
Os desentendimentos entre Valdeníria e Jerônimo aconteceram, principalmente, em razão do requerimento apresentado pela vereadora, no inicio do mês de novembro, solicitando a criação de uma Comissão de Investigação, para apurar as denuncias sobre o suposto esquema de desvio de recursos através de pagamento de Adicional Noturno na Câmara.
 
Embora hoje se manifeste favorável, no início do mês, assim que o requerimento foi apresentado, além de ser contrário, Jerônimo travou debates acalorados com Valdeníria, na tentativa de derrubar o requerimento para que fosse aceita a proposta apresentada pela Mesa Diretoria, que previa a alteração do Regimento Interno da Câmara, para a criação da Comissão de Ética e Decoro Parlamentar, permanente.
 
O Projeto de Resolução apresentando pela Mesa Diretora, assinada por 10 vereadores, entre eles, Jerônimo Gonçalves, era apontado pelos vereadores Valdeníria, Cláudio Henrique Donatoni (PSDB) Cesare Pastorello (SD) e José Eduardo Torres (PSC) como uma “manobra” da Mesa Diretora para retardar as investigações sobre as denuncias. Após os debates Valdeníria e Jerônimo ficaram sem se falarem.
 
Na sessão extraordinária realizada na manhã de quinta-feira (14/11) quando os vereadores decidiram a arquivar o Projeto de Resolução que pretendia criar a Comissão de Ética e Decoro Parlamentar, em detrimento ao requerimento da vereadora Valdeníria para criação da Comissão de Investigação, eles admitiram o mal estar: “por uma bobagem Valdeníria não fala mais comigo”, disse Jenônimo. Ao usar a palavra Valdeníria retrucou: “não tenho porque não falar”.


fonte: Sinézio Alcântara

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
Prisma
Juba Supermercados
Contec Contábil
jane
areeira monte verde
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites