SEMA lança livro sobre os ninhais do Pantanal
Por Assessoria
14/04/2012 - 20:45

Foto: Assessoria
A Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) vai lançar oficialmente durante a Semana do Meio Ambiente, que acontece no mês de junho, em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente (05 de junho), a publicação “Ninhais do Pantanal Mato-grossense – Guia de Conservação dos Viveiros Naturais de Aves Aquáticas”. Os primeiros mil exemplares do livro, resultado do trabalho que vem sendo desenvolvido por técnicos da Sema e de vários órgãos e instituições parceiras nos últimos cinco anos, foram entregues nesta terça-feira (10.04), pelo secretário da Sema, Vicente Falcão de Arruda Filho, ao supervisor da RPPN Estância Ecológica Sesc Pantanal, Waldir Wolfgang Valukty. Os exemplares serão distribuídos a pesquisadores, estudantes, turistas e profissionais do turismo, além de escolas e outros interessados que visitam, o ano inteiro, a Reserva Particular do Patrimônio Natural. Responsável pela pesquisa, o médico veterinário e analista ambiental da Sema, Marcos Roberto Ferramosca Cardoso explicou que o trabalho, desenvolvido por técnicos da Coordenadoria de Fauna e Recursos Pesqueiros, da Superintendência de Biodiversidade, vem mapeando e monitorando os ninhais do Pantanal Mato-grossense em seis municípios da região, desde setembro de 2006, visando especialmente a sua conservação. O Guia, reúne o conhecimento adquirido durante esse tempo, trazendo informações que serão uteis a todos envolvidos com o uso e conservação dos ninhais. “O Guia traz informações sobre a caracterização e a importância dos ninhais para o homem e o meio ambiente, a biologia, reprodução e identificação das aves aquáticas e recomendações específicas para o turista, guias, empresas, fazendeiros e outras organizações, com o objetivo de orientar essas pessoas em relação às ações de conservação, com ideias simples que podem contribuir efetivamente para a proteção dessas áreas”, explicou ele. “Esse trabalho, de mapeamento e monitoramento de ninhais, é uma importante prioridade de estudo, recomendada pelo Ministério do Meio Ambiente para a conservação da biodiversidade do Pantantal. O trabalho envolve a localização dos ninhais, a identificação das atividades que possam estar comprometendo a reprodução das aves, a adoção de medidas de proteção e conservação dessas áreas, a produção de material científico, informativo e educativo e o ordenamento da atividade turística na região”, complementou a coordenadora de Fauna e Recursos Pesqueiros da Sema, Neusa Arenhart. Em cinco anos de mapeamento já foram identificados 45 viveiros (ou ninhais). Nesse período, foram registradas informações a respeito da história dos ninhais ativos e daqueles já extintos, da relação com a população local e o uso do entorno desses ninhais, do grau de ameaça e conservação e outras que, a longo prazo, serão fundamentais para a proteção e manutenção dessas áreas e de seus processos ecológicos. Neusa Arenhart lembra que em razão desse monitoramento, as principais ameaças a essas áreas já identificadas contam com medidas de proteção já adotadas pela Sema e que esse trabalho contribuiu de forma especial na elaboração e definição de políticas de conservação para essa região, como a Política Estadual de Gestão e Proteção à Bacia do Alto Paraguai em Mato Grosso (Lei 8.830/2008) e a Política da Pesca no Estado de Mato Grosso (Lei 9.096/2009), além de servir de apoio às estratégias de preservação. O supervisor da Estância Ecológica Sesc Pantanal, destacou a importância do trabalho para o ordenamento da atividade turística na região. “O guia reúne uma serie de informações que poderão ser utilizadas pelos guias turísticos na orientação de quem visita a região, proprietários de fazendas, pousadas e hotéis que atuam na região”, salientou Waldir Wolfgang Valukty. Já o secretário de Estado do Meio Ambiente lembrou que nesse primeiro momento serão distribuídos cinco mil exemplares. “Um material de fácil leitura que possibilita a todos conhecerem a região, especialmente a importância dos ninhais para as espécies que usam a região para abrigo e reprodução”. “Ninhais do Pantanal Mato-grossense – Guia de Conservação dos Viveiros Naturais de Aves Aquáticas” possui 68 páginas. O texto é de Marcos Roberto Ferramosca Cardoso, com fotos do fotógrafo Marcos Vergueiro e de técnicos da Coordenadoria de Fauna e Recursos Pesqueiros. O livro tem projeto gráfico de Rosalina Taques (DoceDesign) e foi produzido pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e Estância Ecológica Sesc Pantanal.
Carregando comentarios...

Gastronomia

Prato preferido, o segredo é o carinho

Ela faz o prato há anos. O carinho e a cumplicidade são elos que fazem a diferença no casamento de mais de 50 anos
14/04/2012 - 20:34
Gastronomia

D. Juana atravessou gerações fazendo "puxa-puxa"

Cacerense por adoção, ela começou a fazer o doce para ocupar o tempo, mas a atividade se tornou rentável
14/04/2012 - 20:30
Variedades

Osires Fanaia, pantaneiro de muitas atribuições

Uma vida simples, saudável, com a felicidade conquistada fazendo a alegria de outras pessoas
14/04/2012 - 20:24
Agronegócio

Sindicato Rural de Cáceres coordena Fórum Regional

O fórum é permanente, com reuniões bimestrais, para tratar de demandas regionais relacionados a pecuária e agricultura e
14/04/2012 - 20:20

Warning: Unknown: open(/var/lib/php/session/sess_g3agsaht7fv4t78ljnp283dnb0, O_RDWR) failed: Permission denied (13) in Unknown on line 0

Warning: Unknown: Failed to write session data (files). Please verify that the current setting of session.save_path is correct (/var/lib/php/session) in Unknown on line 0