Expediente Anunciar Contatos Terça-feira, 11 de Agosto de 2020

atacadão e jubão

Cáceres: PM prende quatro suspeitos e liberta padres que estavam como reféns
Data:11/04/2020 - Hora:20h31
Cáceres: PM prende quatro suspeitos e liberta padres que estavam como reféns
watssap

Policiais da Força Tática e do 6º Batalhão de Cáceres, com apoio da PRF e Defron, prenderam quatro suspeitos de roubo com cárcere privado. A equipe policial libertou quatro padres e uma mulher, todos reféns em residências do seminário católico cacerense.

A ação ocorreu na noite desta sexta-feira (10). Os policiais realizavam uma barreira conjunta na BR-364, próximo ao posto de fiscalização da PRF, quando avistaram dois veículos em alta velocidade, um Fiat Toro e um Argo. Os dois carros furaram a barreira e depois seguiram em fuga, em direções opostas.

Em um determinado trecho, depois de furar outra barreira policial na BR -173, na direção do município de Curvelândia, o Fiat Toro foi abandonado e seu ocupante fugiu pela mata.

Já o Argo, que seguiu na direção de Porto Esperidião, capotou quilômetros depois de ter furado a primeira barreira da BR-363. O condutor também fugiu. Os policiais identificaram o endereço do proprietário desse veículo e pediram para uma equipe de Cáceres checar. Como suspeitavam, havia um roubo em andamento e pessoas mantidas reféns.

O endereço era o seminário Bom Pastor, da igreja católica, e havia vítimas em duas casas. No local ouviram choros e gritos com pedidos de socorro. Os policiais deram ordem de rendição e um dos assaltantes, que tentou fugir, acabou preso nos fundos de uma das casas. Lá, um homem e uma mulher, identificados como um padre (portador de mal de Parkinson) e a cuidadora dele, uma senhora de 47 anos, foram libertados.

Logo depois, descobriram que outros três padres, em outra casa do seminário, também estavam mantidos reféns. Um dos assaltantes acabou fugindo. Libertadas pelos policiais militares, as vítimas apresentavam lesões de agressões e estavam em estado de choque.

Com diversas equipes de policiais militares mobilizadas em buscas, outros três suspeitos foram presos em seguida. Policiais do 6º Batalhão de da Agência de Inteligência da PM local prenderam o motorista do veículo Argo na mesma região em que minutos antes ele havia capotado o veículo. Outros dois suspeitos foram presos a partir de informações dos dois primeiros homens capturados.

Os suspeitos presos têm entre 20 e 25 anos. Os presos, veículos e outros materiais apreendidos, como celulares, foram entregues na Delegacia de Fronteira (Defron) para prosseguimento das medidas legais como autuação em flagrante e apuração complementar do crime.

 

 
Carra foi recuperado pela polícia — Foto: Polícia Militar/DivulgaçãoCarra foi recuperado pela polícia — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Carro foi recuperado pela polícia — Foto: Polícia Militar/Divulgação

 

Picape roubada de seminário foi recuperada após ser abandonada — Foto: Polícia Militar/DivulgaçãoPicape roubada de seminário foi recuperada após ser abandonada — Foto: Polícia Militar/Divulgação

 

 

 
Arma e objetos dos suspeitos foram apreendidos — Foto: Polícia Militar/DivulgaçãoArma e objetos dos suspeitos foram apreendidos — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Arma e objetos dos suspeitos foram apreendidos — Foto: Polícia Militar/Divulgação

 

O grupo foi encaminhado à delegacia. A polícia também apreendeu armas usadas no crime e objetos pessoais dos suspeitos. O suspeito que dirigia com a picape ainda não foi localizado.

Os dois veículos do seminário foram recuperados, sendo um deles levado para o pátio devido aos estragos causados pelo acidente.


fonte: Alecy Alves

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
Juba Supermercados
Contec Contábil
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites