Expediente Anunciar Contatos Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

vestfapan2018

O Aedes aegypti também pode causar doenças aos pets
Data:24/03/2016 - Hora:09h56
O Aedes aegypti também pode causar doenças aos pets
ilustrativa

Apesar dos pets não contraírem doenças como a Dengue,  a Chicungunya e a Zika, o Aedes aegypti   pode transmitir aos cães e gatos a Dirofilariose, popularmente conhecida como doença do verme do coração.

 

Nos últimos tempos o mosquito Aedes aegypti tem tido grande destaque nos noticiários brasileiros devido a transmissão de graves doenças como a Dengue, a Chicungunya e a Zika.  

 

Ao contrário dos humanos, os pets não desenvolvem essas doenças, porém, o que poucos sabem é que o Aedes aegyptitambém pode ser prejudicial a saúde dos cães e gatos. Esse é um dos agentes transmissores da Dirofilaria immitis, verme responsável por causar a Dirofilariose, popularmente conhecida como doença do verme do coração.

 

Aedes aegypti atua como vetor da doença transmitindo o parasita de um animal infectado para um animal sadio. “Esses parasitas irão se replicar alcançando a corrente circulatória e irão se alojar nas artérias pulmonares e ventrículo direito do coração, iniciando sua fase reprodutiva, liberando novos parasitas para a circulação.” afirma Jaime Dias, médico veterinário e gerente técnico de animais de companhia de Merial.  Dentre os diversos sinais clínicos da doença podemos destacar: tosse, emagrecimento, cansaço, aumento de volume abdominal, inchaço nos membros e insuficiência cardíaca e hipertensão pulmonar, que podem levar o animal a óbito .

 

A dirofilariose é uma doença que também pode ser transmitida aos humanos através da picada do mosquito. “No homem, a doença é responsável pela formação de nódulos pulmonares, causando tosse, dificuldade respiratória, febre, e em casos mais graves, tosse  acompanhada de sangue.”, finaliza Jaime Dias.

 

A Merial oferece uma importante solução na prevenção da dirofilariose canina. Trata-se de Cardomec Plus, medicamento a base de ivermectina e pirantel que, além da prevenção da Dirofilariose, oferece também  tratamento e prevenção contra os principais vermes intestinais. Para que a prevenção seja realizada de forma correta, Cardomec Plus deve ser utilizado mensalmente, pois impede que o verme alcance a fase adulta, o que pode trazer grandes prejuízos a saúde dos pets.

 

Além do uso de Cardomec Plus, faz parte da prevenção da Dirofilariose, cuidados ambientais, que impeçam a proliferação do mosquito Aedes aegypti, como exemplo, evitar o acúmulo de água parada, em vasos de plantas, pneus, etc.

 

Sobre a Merial

Merial é uma empresa líder mundial, voltada à inovação em saúde animal, que fornece uma extensa gama de produtos para prevenção de doenças e cuidado com a saúde e o bem-estar dos animais. A Merial conta com três principais áreas de negócios: animais de estimação, animais de produção e saúde pública veterinária. As soluções da empresa atuam sobre mais de 200 doenças que acometem uma grande variedade de espécies animais. A Merial emprega 6.900 pessoas e opera em mais de 150 países em todo o mundo, com vendas superiores a € 2,5 bilhões, em 2015. A Merial é uma empresa Sanofi. Mais informações acesse: www.merial.com.br, Facebook.com/merialpets e Instagram.com/merialbrasil.

 


fonte: Texto Comunicação

»     COMENTÁRIOS
 
\\ PUBLICIDADE
panvet
dunga
areeira monte verde
São matheus
prisma 2
jane
\\EDITORIAIS
  • Agronegócio
  • Anúncios e Comunicados
  • Artigos
  • Cidades
  • Cultura
  • Economia
  • Educação
  • Esporte
  • Gastronomia
  • Geral
  • Humor
  • Meio Ambiente
  • Polícia
  • Política
  • Pontos Turísticos
  • Saúde e Bem Estar
  • Social
  • Utilidade Pública
  • Variedades
  • Galeria de imagens
  • Diário de Cáceres 2014 Copyright © Todos direitos reservados Desenvolvimento de sites